quinta-feira, 17 de março de 2011


Quando digo que te amo, você duvida de mim, me faz milhares de perguntas, fica com seus ciúmes bobos, me critica muitas vezes com minhas decisões que eu sei que são as melhores, mais afinal, que droga de amor é esse? Que vive de uma insegurança vive de fofocas, você não me compreende, fala que me amas mais que amor é esse? Que não posso nem conversar com meus amigos nem sair, você vive pelo que os outros vão achar mais você mesmo que está se enganando eles querem fazer intrigas sobre nosso amor, mas que amor é esse? Que você diz sentir por mim, mas vive nesse quarto escuro, fechado de solidão, que amor é esse? Que muitas vezes posso sentir ele dentro de mim, mais não consigo arrancá-lo, que amor é esse? Que pensas que é verdadeiro, mais muitas das vezes eles querem mesmos nos confundir, que amor é esse? Que quando ao lembrar-me de você sinto um vazio dentro de mim, uma solidão que ocupa, me faz crer que esse amor não existe mais que amor é esse? Que parece gritar, pular, chorar. Esse amor é aquele que existe em você bem, La no fundo esse amor é ele está guardado dentro de você, em que muitas vezes ele parece pular pra fora do seu coração mais você não consegue enxergá-lo, compreender, pois vive em um mundo de ilusões, vive em um mundo fictício, que parece gritar, mais você não consegue ouvi-lo enquanto pensa em quem não soube valorizar retribuir seu amor, em que muita das vezes ele te faz chorar,

Nenhum comentário:

Postar um comentário